Loading...

It's been a hard days night!

Têm dias em que a noite é foda.


04 agosto 2008

Uma década

Uma década é o tempo que estive recolhendo os cacos de meu coração, espalhados por diversos pontos da cidade de Curitiba. Ser feliz, para mim, era pura ilusão. Devaneio. E eu... um bobalhão. Sem cor. Sem veia. Sem pão. Um navegante perdido em exclusão. Quantas e quantas latas ao chão verti libadas por não mais ter o teu sorriso. Cachorro bronco eu me fazia, pele e osso subsistia, povo bruto sem compaixão. A rua XV um mar gelado, icebergs flutuantes concorrendo ao infinito. Cabeleiras louras chamavam-me atenção. Cachos dourados me atraíam. Quantas donas interceptei, toquei o ombro e, quando viravam, a taquicardia tomava conta. Porém, nenhuma a minha musa. O meu oásis ainda não encontrei. Os dez anos já passados, com esperança alimentados, recolho-me à solidão.

Um comentário: