Loading...

It's been a hard days night!

Têm dias em que a noite é foda.


26 junho 2008

Um bom crítico deve ser: antenado com os fenômenos do mundo e da vida; capaz de aproveitar em seu discurso características de áreas diferentes do conhecimento; capaz de dialogar com a tradição em sua área de atuação - literatura, cinema, política etc. O crítico precisa "encaminhar" o sujeito comum, leigo no assunto, visando o melhor aproveitamento do conteúdo apresentado; tarefa que se realiza quando são esclarecidos os pontos principais da obra. A atuação desse profissional se verifica quando alguns critérios são garantidos no decorrer da análise, tais como: uma interpretação da obra que dialogue com o contexto no qual ela se insere; um esmiuçamento cuidadoso de aspectos estruturais-semióticos da obra; a revelação de características da obra que passariam desapercebidas pelo "consumidor do produto".

Nenhum comentário:

Postar um comentário