Loading...

It's been a hard days night!

Têm dias em que a noite é foda.


25 junho 2008

Minha vida de leitor

Minha vida de leitor começou muito cedo: quando muito pequeno (aproximadamente aos cinco anos de idade) já tinha ao meu alcançe vários livros, que minha mãe me disponibilizava. Ainda lembro do primeiro que me chegou às mãos: Dom Quixote, de Miguel de Cervantes. Obviamente, àquela ocasião, eu apenas "juntava" as palavras; precisei da ajuda de outras pessoas para compreender o texto. Mas esse foi o ponto de partida; desde então, me tornei um assíduo freqüentador de bibliotecas. Na adolescência, acreditei na máxima "Nada substitui a companhia de um bom e velho livro"; estive extremamente ocupado com autores nacionais e estrangeiros: Machado de Assis, Dostoiévski, Goethe, William Shakespeare, entre outros. Minha paixão pela literatura foi crescendo cada vez mais, o que culminou no meu desejo de cursar a faculdade de letras. Atualmente, eis que aqui estou: recém-formado e pensando em continuar as leituras, dentro da academia, em um nível mais avançado. Por outro lado, na vida prática, continuo um zero-a-esquerda: formado e sem rumo, desempregado. Acho que sou mesmo um desinFORMADO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário